O sueco Lars Lagerback, técnico da Nigéria, diz estar confiante para o jogo, a disputar em Bloemfontein, e que “pouco importa que a Grécia acredite que pode ganhar”, já que esse é igualmente o seu sentimento em relação às possibilidades da Nigéria, selecção que se estreou com uma derrota frente à Argentina (1-0).

Por seu lado, o alemão Otto Rehhagel afirma que não renunciar à "prudência defensiva" que caracteriza a sua equipa, mesmo que a vitória seja praticamente obrigatória para qualquer dos conjuntos.

Nigéria e Grécia perderam os respectivos jogos de estreia no grupo B – os gregos perante a Coreia do Sul (2-0) -, o que torna esta segunda jornada, segundo o avançado nigeriano Obafemi Martins - vital para as aspirações das duas equipas.

Com o jogo agendado para as 16:00 locais (15:00 em Lisboa), as selecções defrontam-se já com a informação do resultado do jogo entre a Argentina e a Coreia do Sul e que poderá desde logo começar a definir as contas.

De tarde, no estádio Free State, em Bloemfontein, a derrota parece proibida tanto para gregos, como para nigerianos, sob pena de ficarem fora do campeonato e Obafemi Martins diz mesmo que a partida “é vital”.

"Não há qualquer razão para mudar subitamente de táctica. Se perdemos por 2-0 com a Coreia do Sul, foi por causa de erros individuais e não da táctica", afirmou o técnico na conferência de imprensa de lançamento do jogo.

Rehhagel disse, por outro lado, que o que falta "é marcar", mas que se torna igualmente necessário "reduzir os erros na defesa", além de salientar o facto de, quando tomou conta da equipa, esta se encontrar no 65.º posto do "ranking" mundial e que actualmente está no 13.º.

Por seu turno, o avançado Dimitris Salpingidis mostrou-se confiante na passagem da equipa, apesar da desilusão frente aos sul-coreanos.

“A Grécia já mostrou no passado que tem as qualidades e o entusiasmo para se reerguer”, disse o jogador.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.