No final do jogo disputado na Cidade do Cabo, que acabou empatado a zero, um adepto inglês ludibriou todas as medidas de segurança e chegou até ao balneário, onde interpelou David Beckham.

“A segurança vai ser reforçada para que isto não volte a acontecer”, frisaram os porta-vozes da FIFA, Nicolas Maingot, e do Comité Organizador, Jermane Craig.

A polícia está a rever as imagens do circuito interno para perceber como este adepto, que está detido, chegou aos balneários.

“A segurança dos jogadores é a nossa primeira preocupação e isto não poderá acontecer novamente. O adepto foi retirado dali em poucos segundos pela polícia e os jogadores não correram perigo em nenhum momento”, explicou Graig.

Grande parte dos 25 000 adeptos ingleses que assistiram à partida no estádio vaiou os jogadores quando estes saíam do relvado, uma atitude condenada pelo avançado Wayne Rooney.

A FIFA considerou “inaceitável” que um adepto chegue até ao balneário de qualquer equipa.

“Realizamos reuniões diárias sobre segurança e aguardamos informações da polícia que, a partir de agora, vai ser mais atenta nos controlos acesso”, afirmou Maingot.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.