De acordo com Ima Niboro a suspensão também está relacionada com alegadas suspeitas de corrupção pouco antes do início da competição.

A mesma fonte acrescentou que todas as verbas disponibilizadas à Federação de Futebol da Nigéria vão ser analisadas e todos os “culpados irão ser sancionados”.

Um porta-voz da federação nigeriana disse, entretanto, em declarações à agência noticiosa Associatied Press não ter qualquer informação sobre a suspensão. “Não fomos informados de nada”, afirmou Ademola Olajire.

O comité executivo da federação já tinha apresentado desculpas ao presidente e a todos os adeptos de futebol sobre a prestação da selecção no Mundial.

A Nigéria terminou o grupo B da primeira fase na última posição, tendo averbado derrotas com Argentina e Grécia, e um empate com a Coreia do Sul.

Em Fevereiro, a federação nigeriana despediu Shaibu Amodu do cargo de seleccionador, tendo contratado o sueco Lars Lagerback apenas quatro meses antes do início da competição.

A Nigéria pode vir a ser punida pela FIFA devido à interferência governamental, proibida pelos estatutos do organismo máximo do futebol mundial.

“Não temos informação oficial sobre o assunto”, afirmou uma fonte da FIFA, acrescentando: “No entanto, a posição da FIFA sobre as interferências políticas é bem conhecida”.

O próximo compromisso oficial da selecção de futebol da Nigéria está agendado para Setembro, em jogo de qualificação para a Taça das Nações Africanas 2012.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.