Zé Castro revelou que só hoje lhe foi comunicado que não partiria com os restantes jogadores para o Mundial de futebol: “Foi uma conversa cordial entre mim e a equipa técnica, e através do diálogo deram-me a conhecer a decisão”.

Uma notícia que deixou o internacional português obviamente triste, mas que não o faz desanimar: “Como é óbvio fiquei triste. Tinha de sair alguém e as pessoas já tinham conversado comigo. Mas tenho a certeza que vou voltar”.

Sobre o seu futuro, Zé Castro lembrou que tem contrato com o Deportivo da Corunha por mais três épocas, mas deixa no ar a ideia de que não é certo que continue no emblema espanhol: “Tenho contrato por mais temporadas, mas agora no início da época vou ter uma conversa com o clube e depois logo se vê”.

A selecção terminou o seu estágio na Covilhã e agora ultimam-se os preparativos para a partida para a África do Sul, local onde Zé Castro acredita que Portugal irá fazer um grande Mundial: “Temos um excelente grupo e uma excelente equipa. A selecção vai com toda a certeza fazer um grande campeonato do Mundo”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.