Depois do empate da seleção brasileira frente à Suíça no arranque do Mundial 2018, a imprensa brasileira não perdoa e aponta as suas baterias ao maior craque da 'canarinha'.

O Globoesporte, na análise à exibição do Brasil, atribuiu uma nota modesta ao criativo: 5,5.

"abusou das jogadas individuais e esteve longe do nível que mostrou nos últimos dois jogos. Só apareceu no final do jogo com um remate de cabeça", pode ler-se.

Também Zé Elias, antigo jogador, afina pelo mesmo diapasão ao apelidar o jogador de "egoísta".

"Foi egoísta no campo e por isso é que sofreu tantas faltas, mas não creio que era contra ele. O problema é que Neymar esqueceu-se de jogar em equipa e reteve a bola".

Arnaldo Ribeiro, da ESPN Brasil, é ainda mais duro e diz que a exibição do brasileiro foi um autêntico "desastre".

"Não fez um jogo aceitável e merecia ser substituído. O Brasil tem uma boa equipa e qualidade coletiva para sair dos problemas, mas o Neymar empenhou-se em ganhar o jogo sozinho e estragou-o. Tem a desculpa da operação recente, mas não jogou nada e não produziu nada bom para a equipa. Teria sido melhor colocar o Douglas Costa, que ainda não sei por que é que não jogou".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.