Marcus Acuña e Nehuén Pérez foram chamados pelo técnico Lionel Scalori para os próximos jogos da Argentina, de apuramento para o Mundial2022. Acuña, do Sporting, tem sido uma escolha habitual de Scolari, já Nehuén Pérez, defesa central do Famalicão, é internacional olímpico pela Seleção das Pampas mas começa a ser levado em conta para a seleção principal.

O selecionador anunciou uma lista de 23 jogadores, na qual se destacam Messi (FC Barcelona), Lo Celso (Tottenham), Otamendi e ‘Kun’ Aguero (Manchester City), Paulo Dybala (Juventus), Leandro Paredes (Paris Saint-Germain) ou Tagliafico (Ajax).

De fora ficou Agustín Marchesín, guarda-redes do FC Porto. Scolari optou por chamar o guarda-redes Juan Musso, da Udinese.

Esta lista inclui apenas os jogadores argentinos a militarem no estrangeiro, e entre os quais figura ainda Saravia, lateral direito contratado esta época pelo FC Porto, mas que, entretanto, o emprestou em fevereiro aos brasileiros do Internacional.

A Argentina inicia a caminhada rumo ao Mundial de Futebol, Qatar2020, no dia 26 de março, recebendo o Equador. Dia 31 de março mede forças com a Bolívia fora de portas.

Lista de convocados:

 - Guarda-redes: Juan Musso (Udinese, Itália).

 - Defesas: Nehuén Pérez (Famalição, Portugal), Nicolás Otamendi (Manchester City, Inglaterra), Renzo Saravia (Internacional, Brasil), Germán Pezzella (Fiorentina, Itália), Nicolás Tagliafico (Ajax, Holanda) e Leonardo Balerdi (Borussia Dortmund, Alemanha)

 - Médios: Guido Rodríguez (Betis, Espanha), Roberto Pereyra (Watford, Inglaterra), Exequiel Palacios (Bayer Leverkusen, Alemanha), Rodrigo De Paul (Udinese, Itália), Marcos Acuña (Sporting Lisboa, Portugal), Leandro Paredes (PSG, Nicolás Domínguez (Bolonha, Itália), Giovani Lo Celso (Tottenham, Inglaterra) e Alexis Mac Allister (Brighton, Inglaterra).

 - Avançados: Lionel Messi (Barcelona, ??Espanha), Sergio Agüero (Manchester City, Inglaterra), Lucas Ocampos (Sevilha, Espanha), Lucas Alario (Bayer Leverkusen, Alemanha), Nicolás González (Stuttgart, Alemanha), Paulo Dybala (Juventus, Itália) ) e Lautaro Martínez (Inter, Itália)

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.