O Plano de Atividades e o Orçamento do Comité Olímpico de Portugal (COP) para 2021 foram hoje aprovados por unanimidade pela assembleia plenária, anunciou o organismo.

Em comunicado, após a reunião realizada por videoconferência, o COP detalhou que estes documentos centram-se nas missões de Portugal aos Jogos Olímpicos Tóquio2020, ao Festival Olímpico da Juventude Europeia de inverno Vuokatti2021 e também aos Jogos Olímpicos de Inverno Pequim2022.

Estas decisões ocorrem depois de, em 25 de junho, a mesma assembleia plenária ter decidido o prolongamento do mandato da atual Comissão Executiva do COP, liderada por José Manuel Constantino, até março de 2022, na sequência do adiamento dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, para 2021, devido à pandemia de covid-19.

Ainda de acordo com o COP, os representantes de seis estruturas federativas, casos das modalidades de canoagem, atletismo, xadrez, natação, padel e râguebi, e da Comissão de Atletas Olímpicos manifestaram, nesta reunião, as preocupações relativamente ao estado atual do desporto nacional.

Uma das propostas assentou na organização de uma nova Cimeira das Federações Desportivas, sob a égide do COP, do Comité Paralímpico de Portugal e da Confederação do Desporto de Portugal, para que seja apresentada nova posição comum junto do Governo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.