O canoista João Ribeiro está «empenhado» a fazer os melhores K1 200 metros da sua vida para cumprir a ilusão de competir em Londres2012, mas sabe que será «complicado» obter uma das duas vagas disponíveis no apuramento europeu.

«Há ainda muitas seleções fortes, muito bons canoistas de fora. O Mundial (2011) apurou apenas nove. O objetivo é entrar na final e aí lutar pelos dois primeiros», resumiu à agência Lusa o atleta do Benfica.

Em Poznan, na Polónia, João Ribeiro só pensa em ir à final de K1 200 metros, prova que adivinha «muito aberta» e na qual «tanto é possível ficar nos dois primeiros como muito para trás».

A experiencia do jovem de 22 anos nos 200 metros resume-se, em seniores, a finais B nos europeus e mundiais de 2010.

«Estou muito motivado para o K1 200. Tenho desejo enorme de estar em Londres2012. Vou fazer tudo para estar lá», reforçou.

Para ser bem-sucedido, o canoista de Esposende diz que é preciso «muito treino», que garante ter feito, e também ter «sorte na largada».

«No dia ‘sim’, é preciso fazer tudo direitinho. As diferenças são pequenas e qualquer erro pode ser decisivo», reconhece, prometendo que lutará «até ao fim» pelo sonho.

Juntamente com Fernando Pimenta, Emanuel Silva e David Fernandes, João Ribeiro integrou o K4 1.000 campeão da Europa com o melhor tempo da história da canoagem, mas que, meses depois, nos mundiais de 2011, falhou o apuramento olímpico.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.