Dias Ferreira teceu duras criticas aos empresários de jogadores. Em declarações à rádio Renascença, o antigo dirigente do Sporting afirmou que os empresários não querem saber dos interesses dos jogadores que representam e que só se importam consigo.

“Os empresários dão cabo disto tudo porque não pensam nos interesses dos jogadores e dos clubes, mas nos seus próprios interesses”.


Questionado sobre a questão de Islam Slimani e o interesse do argelino em sair de Alvalade, Dias Ferreira remeteu a questão para o contrato do jogador. De acordo com o antigo dirigente o jogador tem de cumprir o que acordou com o clube leonino e não pensar apenas na contrapartida financeira.


“Há um contrato que está em vigor e que, em princípio, é para cumprir. Pelo que sei, está um contrato com valores mais altos em cima da mesa”.