A equipa sénior masculina de andebol da Marinha de Guerra venceu esta sexta-feira o Interclube por 28-20 e garantiu uma presença inédita na final do Campeonato Nacional da modalidade, que decorre no pavilhão da Cidadela.

Tudo começou ainda na primeira parte quando os marinheiros começaram a desenhar a presença na final, com jogadas rápidas e conseguiram tirar proveito da apatia do Interclube que no primeiro quarto de hora havia marcado apenas dois golos.

Nem mesmo as constantes alterações trouxeram alguma mudança no esquema dos polícias que viam-se cada vez mais em apuros em busca de um resultado confortável.

Bem esclarecidos no esquema defensivo e ofensivo, a Marinha conseguiu sair em vantagem de três golos ao intervalo (13-10) sem que as constantes alterações no sete inicial se fizessem sentir.

Na parte final, sempre com a Marinha no comando, os nervos tomaram conta da equipa do Interclube que viu as sucessivas exclusões de dois minutos e cartões amarelo para a equipa técnica.

Claudio Lopes, da Marinha, com nove golos, foi o melhor marcador, enquanto que pelo Interclube ficou André Fonseca.

Na final, os marinheiros vão medir forças com os militares do 1.º de Agosto, que eliminaram o Exército por 32-14.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.