A Federação de Andebol de Portugal (FAP) suspendeu as competições nacionais até 29 de março, “com acompanhamento permanente”, devido à pandemia de Covid-19, anunciou hoje o organismo federativo.

“A Federação de Andebol de Portugal decidiu suspender as competições nacionais de andebol, até 29 de março, face à pandemia Covid-19, com acompanhamento permanente e revisão até ao dia 29 de março”, indica um comunicado divulgado no sítio oficial da FAP na Internet.

A decisão foi tomada hoje pelo grupo de trabalho de acompanhamento do impacto do Covid-19 no andebol português e prende-se com a “necessidade de salvaguarda de interesses de natureza pública, nomeadamente, da saúde pública e segurança dos agentes desportivos intervenientes nas competições (jogadores, treinadores, dirigentes e outros)”.

“Tal medida foi adotada em articulação e contacto com a Secretaria de Estado da Juventude e Desporto atentas as repercussões de tal suspensão, entre outras e também na vertente das seleções nacionais, nomeadamente na qualificação para os Jogos Olímpicos Tóquio2020 e Mundial2021”, assinala o comunicado.

O novo coronavírus responsável pela Covid-19 foi detetado em dezembro, na China, e já provocou mais de 4.600 mortos em todo o mundo, levando a Organização Mundial de Saúde a declarar a doença como pandemia.

O número de infetados ultrapassou as 125 mil pessoas, com casos registados em cerca de 120 países e territórios, incluindo Portugal.

A Direção-Geral da Saúde atualizou hoje o número de infetados, que registou o maior aumento num dia (19), ao passar de 59 para 78, dos quais 69 estão internados.

O boletim divulgado hoje assinala também que há 133 casos a aguardar resultado laboratorial e 4.923 contactos em vigilância, mais 1.857 do que na quarta-feira.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.