O prazo de entrega das candidaturas para as eleições com apenas duas listas, A e B, terminou este sábado sem registar nenhuma lista candidata à direcção da Associação Provincial de Basquetebol de Benguela (APBB) para o quadriénio 2016/2020. As eleições estão agendadas para o dia 14 de Maio próximo, às 9 horas, nas instalações do mesmo órgão desportivo.

A confirmação do silencio dos candidatos foi feita pelo presidente da Comissão Eleitoral, Gabriel Faustino, que se mostrou preocupado pelo facto de ninguém se manifestar a respeito das eleições.

Por falta de concorrentes, a data do pleito eleitoral deverá ser alterada, tal como confirmou Gabriel Faustino: “Ao expirar o prazo de entrega e a Comissão Eleitoral não receber nenhuma candidatura, reunimos com a Associação Provincial em gestão, no sentido de remarcarmos a data das eleições”.

O dirigente não falou sobre os motivos da falta de candidatos, mas acredita que em breve haverá candidaturas, uma vez que já se ouvem alguns nomes nos bastidores, tal como do vice-presidente da Associação Provincial de Basquetebol de Benguela, Armando Dala “Docas” e outros dirigentes.

O actual presidente de direção daquela instituição de basquetebol, Júlio Johnston Paiva, eleito em 2012, não apresentou a sua recandidatura para o próximo pleito eleitoral.

Com isso, o órgão da bola ao cesto naquelas paragens (APBB) espera pelo novo corpo dirigente, com chance de poder recandidatar-se em 2020, data em que terminará o mandato.

Entretanto, além da Comissão eleitoral, o pleito contará com a presença dos membros da Direcção Provincial dos Desportos de Benguela, representantes da Federação Angolana de Basquetebol e diversos convidados.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.