A equipa de Sub-18 de basquetebol do Petro de Luanda venceu sábado o 1º de Agosto, por 68-66, e sagrou-se bicampeã nacional de juniores na classe masculina, batendo o conjunto "rubro-negro" pela segunda vez consecutiva, na final da categoria.

Depois de ter vencido, curiosamente, o mesmo adversário (78-49) na final de 2015, que havia sido também realizada na cidade de Benguela, o conjunto “tricolor” revalidou o título, no Pavilhão Joaquim Araújo.

E a verdade é que apesar do favoritismo que lhes era atribuído na luta pelo ceptro, graças aos resultados satisfatórios dos jogos anteriores da competição, os militares claudicaram ante a superioridade dos petrolíferos e assim repetem o segundo lugar de há um ano no sector masculino.

Na competição feminina, o Interclube (Luanda) sagrou-se campeã, roubando o título ao 1º de Agosto, após triunfo neste sábado sobre o Desportivo do Maculusso, por 59-54, na final do campeonato nacional nessa mesma categoria.

O Campeonato Nacional de Basquetebol de Sub-18 unificado decorreu de 20 a 30 de Janeiro, nos pavilhões gimnodesportivos Joaquim Araújo (na vertente masculina) e Estrela 1º de Maio (feminino), com a participação de 15 equipas em representação das províncias de Benguela, Huíla, Luanda e Cuanza Sul.

Trata-se do Petro, 1º de Agosto, Formigas do Cazenga , Vila Clotilde, Heja Sport Club do Lubango, 1º de Maio, Sporting, Porto do Lobito, CAB Benguela e Recreativo do Libolo que disputaram a 31ª edição da prova em masculino.

Enquanto isto, a competição em feminino (29ª edição) envolveu cinco equipas: 1º de Agosto, Interclube, Grupo Desportivo do Maculusso, Núcleo do Inter de Benguela e Benfica do Lubango.

A orientar os jogos, sendo 50 disputados em masculino e 22 outros em feminino, estiveram destacados 12 árbitros de 1ª e 2ª categoria nacional.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.