Já depois de ter falhado uma grande penalidade, aos 12 minutos, o uruguaio Maxi Gómez rematou e Jordi Alba desviou para a própria baliza, dando vantagem aos valencianos, aos 48 minutos.

Maxi Gómez confirmou o triunfo já dentro do quarto de hora final, ao fazer o segundo golo dos 'che', aos 77, num encontro em que Gonçalo Guedes e Thierry Correia ficaram fora dos convocados valencianos e Nelson Semedo não saiu do banco dos catalães.

Esta foi a primeira derrota do novo treinador do FC Barcelona, Quique Sétien, após as vitórias sobre o Granada (1-0), na liga, e o sober o Ibiza (2-1), para a Taça do Rei.

Com esta derrota, o FC Barcelona, que entrava para a ronda em igualdade com o Real Madrid na liderança, pode ver os 'merengues' isolarem-se no comando, caso vençam no domingo em casa do Valladolid, enquanto o Valência subiu ao quinto pontos, com 34.

No primeiro jogo do dia, o Espanyol e o Athletic Bilbau empataram a um golo, com o tento dos catalães a ser apontado por Raúl de Tomás, que marcou pela terceira vez em outros tantos encontros desde que se transferiu do Benfica já em janeiro.

Em Barcelona, Asier Villalibre colocou os bascos em vantagem, aos 12 minutos, com De Tomás a empatar aos 63.

O Espanyol ocupa o 19.º e penúltimo posto, com 15 pontos, enquanto o Athletic de Bilbau é setimo, com 31.

O encontro ficou marcado por alegados insultos racistas durante o encontro, denunciados pelo avançado Iñaki Williams, do Athletic.

Antes destes encontros, houve confrontos entre adeptos das equipas, com pelo menos um detido em Valência e cinco em Barcelona.

NFO // NFO

Lusa/Fim

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.