Cabo Verde já fez a inscrição definitiva do seu único atleta, Márcio Fernandes, a participar nos Jogos Paralímpicos de Londres a decorrer de 29 deste mês a 9 de setembro.

A informação foi avançada hoje à Inforpress pelo chefe de missão de Cabo Verde, Orlandinho Mascarenhas, que assegurou que já está tudo a postos.

Por seu turno, Márcio Fernandes, o único atleta cabo-verdiano nesta edição de Londres e que vai fazer estreia nos Jogos Paralímpicos, disse que está a encarar a sua primeira participação nos jogos com grande expectativa porque pretende superar as suas marcas.

“Está tudo bem, não há nenhum problema, nem físico nem de outra ordem e estamos no bom caminho”, disse o atleta mas sem prometer medalhas.

“Não prometo medalhas, mas sim muito trabalho, dedicação e força máxima em Londres para representar de forma condigna a nação cabo-verdiana”, enfatizou.

O atleta cabo-verdiano vai competir nas disciplinas de atletismo na modalidade dos 100 e 200 metros e no lançamento do dardo, pelo que está a cumprir um plano rigoroso de treinos na cidade de Bedford, Inglaterra.

Eletricista de profissão, este internacional cabo-verdiano de 29 anos foi distinguido em abril deste ano pelo Governo de Cabo Verde com a Medalha de Mérito Desportivo da 1ª Classe “pela contribuição à causa do desporto cabo-verdiano”.

O técnico Gustavo Boaventura e o secretário-geral do Comité Paralímpico Cabo-verdiano, Rodrigo Bejarano, também integram a delegação paralímpica do arquipélago.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.