Giro de Itália

09-05-2017 20:42

Ciclista espanhol expulso devido a agressões

Javier Moreno agrediu Diego Rosas e foi exluido da prova.
João Matias 20º em Hong Kong
Foto: SAPO Desporto

Moreno foi expulso da prova

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O ciclista espanhol Javier Moreno (Bahrain-Mérida) foi hoje expulso da 100.ª edição da Volta a Itália em bicicleta depois de ter agredido o italiano Diego Rosa (Sky), anunciou o júri da prova depois da quarta etapa.

As imagens televisivas mostram o espanhol a empurrar Rosa, de 28 anos, que viria a cair, durante a subida ao Etna, da quarta etapa, vencida pelo esloveno Jan Polanc (UAE Team Emirates).

O ciclista, que participava na prova pela segunda vez e estava em 83.º na geral individual, foi multado em 200 francos suíços (182 euros) e está afastado da prova, numa medida tomada pelo júri do Giro em conformidade com a legislação da União Ciclista Internacional (UCI).

Moreno, de 32 anos, é companheiro de equipa de Vincenzo Nibali, vencedor em 2016 da ‘corsa rosa’, com o italiano a perder um dos ciclistas que tinha como apoio nas etapas de montanha.

A edição centenária da Volta a Itália, que decorre até 28 de maio, é liderada ao fim de quatro etapas pelo luxemburguês Bob Jungels (Quick-Step Floors), à frente do britânico Geraint Thomas, colega de equipa de Diego Rosa na Sky, e do britânico Adam Yates (Orica-Scott).

Conteúdo publicado por Sportinforma