Futebol internacional

06-09-2016 10:17

UEFA distribui 150 milhões de euros pelos clubes que cederam jogadores no Euro2016

A seleção nacional conquistou o título europeu em Paris ao vencer a França por 1-0.
Portugal festeja o título de campeão europeu

O Sporting C. Portugal foi o clube mais representado na Seleção Nacional

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

A UEFA vai distribuir 150 milhões de euros da receita total do Euro2016, que Portugal venceu, pelos 659 clubes que cederam jogadores às seleções para a competição, anunciou hoje o organismo.

O montante em causa resulta do Memorando de Entendimento celebrado em 2015 entre a UEFA e a Associação Europeia de Clubes.

Na notícia publicada no site da UEFA lê-se que "com base no mecanismo de distribuição de dividendos aprovado pelo Comité Executivo da UEFA, 100 milhões serão distribuídos pelos clubes que forneceram jogadores para a fase final do UEFA EURO 2016".

Os restantes 50 milhões serão distribuídos "pelos clubes que tiveram jogadores convocados na fase de qualificação da prova, independentemente da seleção se ter ou não apurado para a fase final".

O Diretor de Competições da UEFA, Giorgio Marchetti, afirmou tratar-se do “maior número de sempre de clubes” a receber uma parte da receita da prova que Portugal conquistou no dia 10 de Julho, quando bateu na final a França por 1-0, após prolongamento, em Paris.

Ainda segundo a UEFA, esta receita destina-se exclusivamente a clubes que cederam jogadores para o ciclo do Euro2016 de países filiados naquele organismo, anunciando para breve a divulgação do nomes e dos valores atribuídos a cada um deles.

Conteúdo publicado por Sportinforma