Liga dos Campeões

13-09-2016 22:32

FC Porto quase na máxima força para receber o Copenhaga

O encontro entre o FC Porto e o Copenhaga está marcado para as 19:45 de quarta-feira e será arbitrado pelo esloveno Matej Jug.
Óliver Torres celebra o golo com os colegas do FC Porto
Foto: JOSE COELHO/LUSA

Óliver Torres celebra o golo com os colegas do FC Porto frente ao Vitória de Guimarães

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O FC Porto treinou hoje com o plantel quase completo, à exceção de Maxi Pereira, na última sessão de trabalhos antes da receção ao Copenhaga, quarta-feira, em jogo da primeira jornada do Grupo G da Liga dos Campeões de futebol.

Nuno Espírito Santo, treinador dos 'dragões', poderá contar com a equipa quase na máxima força frente aos dinamarqueses, ficando a faltar apenas o defesa lateral direito uruguaio, ainda a recuperar de uma cirurgia à perna direita.

No relvado do Estádio do Dragão, e perante o olhar atento do presidente Pinto da Costa, e de Luís Gonçalves, diretor geral para o futebol do FC Porto, e que chegou para substituir Antero Henrique, os jogadores apresentaram-se em clima descontraído, contando também com a presença de João Costa, guarda-redes da equipa B que no último jogo, frente ao Penafiel, acabou por marcar o golo do empate.

Destaque também para Herrera, que depois da ausência na convocatória no último jogo com o Vitória de Guimarães, já deverá regressar aos escolhidos do Nuno Espírito Santo.

Depoitre, que não pôde disputar a eliminatória de acesso à Liga dos Campeões frente ao Roma, pode agora estrear-se na competição e, a avaliar pelo último jogo do FC Porto, contra o Vitória de Guimarães, pode ser uma solução de Nuno Espírito Santo na frente de ataque, ao lado de André Silva.

Conteúdo publicado por Sportinforma