Liga dos Campeões

12-04-2017 22:19

Bernardo Silva: "Só fizemos uma parte do caminho"

Mónaco venceu em Dortmund por 3-2 com ‘bis’ de Mbappé e parte em vantagem para o jogo da segunda mão.
Bernardo Silva festeja um golo do Mónaco em Dortmund
Foto: EPA/FRIEDEMANN VOGEL

Bernardo Silva festeja um golo do Mónaco em Dortmund.

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O Mónaco, treinado por Leonardo Jardim, visitou e bateu hoje o Borussia Dortmund, por 3-2, e colocou-se em vantagem após a primeira mão dos quartos de final da Liga dos Campeões de futebol.

Com Bernardo Silva e João Moutinho no ‘onze’ de Jardim e Raphael Guerreiro titular na equipa da casa, os golos dos visitantes, que falharam uma grande penalidade, foram marcados por Mbappé, aos 19 e aos 79 minutos, e Bender, na própria baliza aos 35, com os alemães a reduzirem por Dembelé, aos 57, e Kagawa, aos 84.

Em declarações após o final do jogo, Bernardo Silva mostrou-se naturalmente satisfeito pela vitória, mas frisou que a eliminatória ainda está a meio.

"Aqui nunca é fácil, por isso estamos contentes com a vitória. Mas só fizemos uma parte do caminho. Como vimos frente ao Manchester City, é o segundo jogo que decide a eliminatória. Será preciso fazer um grande jogo para nos qualificarmos", disse o médio português em declarações citadas pelo clube monegasco na sua conta oficial do Twitter.

"Foi um jogo normal, mesmo depois do que se passou ontem. Era preciso esquecer o que aconteceu. Tentamos fazer tudo de forma habitual para estar bem. Por Bartra e por todos os jogadores do Dortmund, pois foi difícil para eles", disse Bernardo Silva já na zona mista em Dortmund.

"É preciso dizer obrigado a todos os adeptos que vieram aqui mesmo depois do que se passou. Às duas equipas que jogaram bem esta noite, que demonstraram que o futebol é mais importante do que tudo o que se passou ontem. São coisas que não podemos controlar. Esperamos que Bartra possa recuperar o mais rápido possível e, caso o possa fazer, que jogue o segundo jogo", acrescentou o internacional português.

O jogo da segunda mão está agendado para 19 de abril, em casa do Mónaco, que se tornou a quarta equipa a conseguir marcar mais de três golos em jogos consecutivos fora de casa durante a fase 'a eliminar' da Liga dos Campeões, depois do Ajax (1996-1997), do Bayern de Munique (1999) e do Manchester United (2009-2010).

Conteúdo publicado por Sportinforma