Liga Europa

22-05-2017 08:40

José Mourinho tenta quarto título europeu, desta vez com o Manchester United

A final da Liga Europa vai disputar-se na próxima quarta-feira entre Ajax e Manchester United.
José Mourinho durante um treino do Manchester United
Foto: Paul ELLIS / AFP

José Mourinho durante um treino do Manchester United

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

José Mourinho pode, na quarta-feira, em Estocolmo, conquistar o quarto título europeu da sua carreira, desta vez com o Manchester United, na final da Liga Europa de futebol frente ao Ajax, que está de regresso à ribalta.

Na capital sueca, além de prestigiado troféu, o técnico português pode 'carimbar' o tão ambicionado acesso à Liga dos Campeões da próxima temporada e salvar uma época que foi bem conturbada, sobretudo a nível de lesões.

O sueco Zlatan Ibrahimovic e o argentino Marcos Rojo (ex-Sporting) vão ser baixas de peso no Manchester United e não são os únicos que vão falhar o embate com o Ajax devido a problemas físicos. Ashley Young e Luke Shaw também não vão pisar o relvado do Arena Friends e o belga Fellaini está em dúvida.

Mesmo assim, o Manchester United vai entrar em campo com o estatuto de favorito e Mourinho pode mesmo levantar o quarto troféu europeu da sua carreira. O português, que nunca perdeu uma final europeia, levou o FC Porto à conquista da Taça UEFA e Liga dos Campeões, em 2003 e 2004, respetivamente, e repetiu a conquista da 'Champions' com o Inter Milão, em 2010.

Logo na sua primeira época em Old Trafford, Mourinho leva os 'red devils' a uma final europeia, depois de ter terminado a 'Premier League' no sexto lugar e ter vencido a Taça da Liga inglesa e Supertaça.

Na última jornada do campeonato, no último domingo, o técnico de 54 anos poupou praticamente todos os titulares no triunfo por 2-0 sobre o Crystal Palace.

Para chegar a Estocolmo, o Manchester United foi segundo classificado do grupo A, atrás dos turcos do Fenerbahçe, e eliminou equipas como o Saint-Étienne, Rostov, Anderlecht e, nas meias-finais, o Celta Vigo.

De regresso à ribalta está o Ajax, 21 anos depois de ter disputado a sua última final europeia, em 1996, quando perdeu nas grandes penalidades frente à Juventus (1-1, 4-2) na Liga dos Campeões.

Na sua época de estreia, o treinador Peter Bosz recolocou o emblema de Amesterdão numa final, um jogo que poderá fazer esquecer o dramático fim do campeonato holandês, em que o Ajax ficou a apenas um ponto do Feyenoord, que se sagrou campeão.

Como é tradição, a equipa holandesa junta no seu plantel muita juventude, como é o caso do avançado dinamarquês Dolberg, que com apenas 19 anos está a ser a grande figura do Ajax esta época, e o defesa Matthijs de Ligt, de 17 anos, que até já se estreou pela principal seleção holandesa.

Na Liga Europa, o Ajax dominou o grupo G, tendo terminado o agrupamento sem derrotas e com cinco pontos de vantagem sobre o Celta Vigo, segundo, e nos jogos a eliminar deixou fora de prova o Légia Varsóvia, Copenhaga e Lyon, tudo formações que foram relegadas da 'Champions'.

Na Suécia, Manchester United e Ajax vão defrontar-se pela quinta vez, sendo que o balanço até agora é de duas vitórias para cada clube.

A final está agendada para as 19:45 e terá arbitragem do esloveno Damir Skomina.

Conteúdo publicado por Sportinforma