Sporting

04-05-2017 10:17

Jesus tem o pior ataque desde que assumiu um 'grande'

Números do técnico do Sporting esta época têm estado àquém daqueles que conseguiu quando treinou o Benfica ou da época passada.
Jorge Jesus
Foto: AFP / PATRICIA DE MELO MOREIRA

Jorge Jesus não está a fazer uma boa época ao serviço do Sporting

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Tem em Bas Dost a sua principal arma de fogo mas o poder de fogo 'leonino' esta época não é o que Jorge Jesus está habituado. O técnico do Sporting deve atingir a pior marca da sua carreira, desde que treina um 'grande', em termos de golos marcados e número de jogos.

Segundo avança o jornal O Jogo, o avançado holandês do Sporting é o melhor marcador dos 'leões' e, apesar de estar em luta feroz com Lionel Messi, é dos poucos jogadores a marcar golos pelo Sporting.

Por exemplo, o segundo melhor marcador dos 'verdes e brancos', Alan Ruiz, apenas tem seis golos marcados. Estes dados podem resultar numa época da qual Jorge Jesus não tem memória.

Desde que assumiu o comando técnico do Benfica, em 2009/2010, as equipas de Jorge Jesus são responsáveis por marcar mais de uma centena de golos, em todas as competições. Ora, esta época, o Sporting leva 'apenas' 77 golos e dificilmente conseguirá chegar aos 100 golos, visto que faltam apenas três jornadas para o final do campeonato.

Mas os golos podem ter a ver com jogos também. O técnico do Sporting conseguiu ultrapassar, em quase todas as épocas, os 50 jogos disputados (excepção feita à época 2014/2015, onde fez 49 partidas). Ora, os 'leões' levam 44 jogos disputados e poderão apenas chegar à marca de 47 jogos, a pior marca de Jesus desde que chegou ao Benfica.

Recorde-se que, na época passada, Jesus conseguiu participar em 51 partidas e acabou com 111 golos marcados. A melhor época de Jorge Jesus em termos de golos foi na época de estreia no Benfica, tendo alcançado 124 golos marcados em 51 partidas. O maior número de jogos do técnico ocorreu em 2013/2014, quando o Benfica participou em 57 partidas.

A eliminação precoce na Liga dos Campeões e noutras competições nacionais, como a Taça da Liga e a Taça de Portugal, poderão ditar o menor número de golos marcados pelo clube de Alvalade.

Conteúdo publicado por Sportinforma