Futebol

26-05-2017 07:08

Francisco Dias da Silva quer imprimir "nova dinâmica" no Gil Vicente

Novo líder pediu aos associados do Gil Vicente para que sejam mais interventivos em favor do clube.
Estádio Cidade de Barcelos, Gil Vicente

Francisco Dias da Silva quer imprimir "nova dinâmica" no Gil Vicente

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O novo presidente do Gil Vicente, Francisco Dias da Silva, afirmou quinta-feira que pretende imprimir uma “nova dinâmica” no clube, nas primeiras declarações após a tomada de posse, em Barcelos.

De acordo com o sucessor de António Fiúza, “o Gil Vicente tem sido demasiado penalizado, dando até a impressão que é fácil decidir em seu desfavor”.

Francisco Dias da Silva reconhece que “existem dossiês sensíveis que vão dar muito trabalho, como o “caso Mateus”, e o que envolve a reposição do clube na I liga: “Há muito trabalho pela frente e vamos ter que o fazer”.

A criação de um complexo desportivo para que o clube possa desenvolver o seu setor da formação é outro dos objetivos da nova direção, segundo revelou o presidente.

Dias da Silva disse ainda ter “consciência” do que o espera e, naturalmente, das “surpresas” que se lhe vão deparar, mas diz estar “decidido a ajudar o clube”.

O novo ‘timoneiro’ do Gil Vicente revelou também que Jorge Casquilha irá ser o treinador do Gil Vicente na próxima época, adiantando que “o seu contrato, em princípio, será por duas temporadas”.

“Neste momento, está a trabalhar com base no plantel que tínhamos, mas o objetivo é constituir um grupo forte, a pensar numa I Liga, o que não invalida, estando nós na segunda, que não possamos constituir uma equipa forte e que ganhe muitas vezes. Na próxima semana, já vamos trabalhar mais diretamente e dentro do projeto que lhe foi apresentado”, adiantou.

Relativamente aos casos pendentes em tribunal, como o da reposição do clube na I Liga, pediu calma: “Acabei de tomar posse e só a partir de agora é que vou começar a falar com as pessoas e defender os interesses do Gil Vicente”.

A terminar, apelou aos associados que sejam mais interventivos em favor do clube e compareçam no estádio para apoiar a equipa.

Conteúdo publicado por Sportinforma