Futsal

21-06-2012 11:55

Benfica afirma que «comunicados não ganham campeonatos»

A decisão do título de futsal joga-se este sábado, a partir das 14h30, no Pavilhão da Luz.
Benfica afirma que «comunicados não ganham campeonatos»

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

No seu site oficial, o Benfica questiona os comunicados que o Sporting tem vindo a publicar sobre a final do playoff de futsal e refere mesmo que «comunicados não ganham campeonatos»

«Os comunicados não marcam golos nem ganham Campeonatos. Não se compreende o porquê de tantos comunicados nem as palavras de vice-presidente, treinador ou atletas do Sporting no decorrer desta final».

Sobre o facto de o Sporting ter apelidado as declarações do treinador de futsal dos encarnados, Paulo Fernandes, de incitação à violência quando este disse que queria no próximo sábado o inferno no Pavilhão da Luz, o Benfica escreve que quem entender desta forma o que o foi dito é desconhecer a história do Benfica.

«O ambiente será infernal, não no sentido de “violência” ou qualquer “ilegalidade”, mas de inferno porque assim se baptizou há largas dezenas de anos o ambiente festivo que se vive na Luz. Não perceber isso é desconhecer a própria história do Desporto em Portugal. As condições do Pavilhão Império Bonança não permitirão que os atletas e árbitros sejam agarrados junto à linha lateral. Os fotógrafos oficiais do Benfica não agredirão qualquer elemento da comitiva da equipa visitante. Não serão arremessados contra técnicos da equipa visitante objectos de limpeza do piso… Nos Pavilhões da Luz, as equipas visitantes são sempre recebidas com cordialidade. Não haverá provocações nem olhares ameaçadores».

Os encarnados põem ainda em causa as condições do Pavilhão Paz e Amizade, casa onde joga a equipa de futsal do Sporting.

«Mais haveria para descrever. Contudo, o que é realmente importante é que, em defesa da modalidade e dos seus intervenientes, a Federação Portuguesa de Futebol seja exigente quanto aos recintos que recebem partidas como um dérbi numa final de Campeonato e não se repitam as condições em que decorreram os jogos em Loures, que em nada justificam o nome do pavilhão».

Por último, o clube da Luz deixa entender que se há clube que condiciona as arbitragens, esse clube é o Sporting. 

«Se há algum clube que muito se tem movimentado para condicionar arbitragens, decisões disciplinares e os próprios adeptos nesta final não é certamente o caso do SL Benfica, que, ainda assim, nunca deixará de defender a verdade desportiva e a integridade física da sua equipa».