Voleibol

13-06-2017 17:07

Portugal partiu para o Egito, para nova 'poule' da Liga Mundial de Voleibol

Hugo Silva manteve os mesmos 12 jogadores de que dispôs em Ceske Budejovice, na República Checa.
Hugo Silva, selecionador luso de voleibol
Foto: José Coelho/Lusa

Hugo Silva, selecionador luso de voleibol

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

A seleção portuguesa de voleibol partiu hoje para o Cairo, onde de sexta-feira a domingo decorre o terceiro e último torneio da fase intercontinental do Grupo 2 da Liga Mundial, com o anfitrião Egito, Eslovénia e Finlândia.

O selecionador Hugo Silva, que ainda não pode contar com o central Marcel Gil, a recuperar de uma entorse na tibiotársica direita contraída no jogo com o Japão, em Poprad, na Eslováquia, manteve os mesmos 12 jogadores de que dispôs em Ceske Budejovice, na República Checa.

Filip Cveticanin e Phelipe Martins (centrais), Alexandre Ferreira, Afonso Guerreiro, Lourenço Martins, João Simões e João Oliveira (zona 4), Marco Ferreira e Valdir Sequeira (opostos), Tiago Violas e Miguel Tavares Rodrigues (distribuidores) e Ivo Casas (libero) são os eleitos.

No terceiro e último torneio da fase intercontinental (Grupo H2), a realizar no Cairo, Portugal defronta na sexta-feira a Finlândia (pelas 13:00 em Lisboa), no sábado o anfitrião Egito (20:30) e no domingo a vice-campeã e líder do Grupo 2 Eslovénia (13:00).

Portugal ocupa presentemente o 11.º e penúltimo lugar do Grupo 2 da Liga Mundial, com os mesmos quatro pontos do Egito (12.º), e soma cinco derrotas e uma vitória, alcançada frente ao Japão (3-2), no Grupo B2, realizado em Poprad.

Embora a seleção portuguesa, caso vença os três jogos que faltam pela margem máxima, ainda possa matematicamente atingir a ‘final a quatro’, a disputar em Gold Coast, na Austrália, está mais perto de lutar com o Egito pela fuga à despromoção ao Grupo 3 da Liga Mundial.

Na edição de 2016 do Grupo 2 da Liga Mundial, Portugal, que foi anfitrião da ‘final a quatro’, em Matosinhos, sagrou-se vice-campeão, na final disputada com o Canadá, que ascendeu ao Grupo 1.

A ‘final four’ do Grupo 2 é disputada pelos três melhores classificados da fase intercontinental - neste momento destacam-se Eslovénia, Holanda, Eslováquia e Japão - e pelo país organizador, que será a Austrália, e decorre de 23 a 25 de junho.

Conteúdo publicado por Sportinforma