Di María não escondeu o seu desagrado por ter ficado de fora da convocatória da Seleção Argentina para os dois primeiros jogos da qualificação para o Mundial de 2022. Em declarações à rádio Continental, do seu país natal, o jogador do PSG não compreende a decisão do selecionador nacional.

"É difícil de entender porque não fui convocado. Nunca me explicaram por que não me chamaram. Se não sou convocado é porque não me querem convocar. Com 32 anos estou velho? Muito falam nisso, mas eu mostro em todos os jogos, todos os fins de semana que não pareço, continuo a correr da mesma forma. Mostro um nível para continuar ao lado de Neymar e Mbappé", disse.

O argentino abordou ainda o castigo de quatro jogos por ter cuspido em Álvaro González durante a partida do PSG frente ao Marselha. Di María considera que é um castigo duro a uma reação que admite ter sido errada.

"É uma sanção dura, difícil porque é muito tempo. O que fiz foi uma reação, estava errado, mas do outro lado houve umas palavras de que não gostei", afirmou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.