Em conferência de imprensa, após a goleada por 5-1, imposta pelos Dragões, o técnico dos moscovitas não conseguiu encontrar palavras para analisar o que aconteceu na cidade do Porto.

«Nos primeiros minutos, o jogo esteve equilibrado. Tivemos dois momentos em que podíamos ter marcado mas depois disso a equipa baixou. O FC Porto conseguiu marcar e a partir daí ficou tudo mais difícil. Sou o culpado da derrota, como sempre acontece quando a equipa perde. Não há explicação para isto», disse, esta quinta-feira, Karpin.

O FC Porto visita, na próxima quinta-feira, dia 14 de Abril, a capital da Rússia para disputar a segunda mão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.