O Flamengo venceu o Avaí por 6-1, na 37.ª e penúltima jornada do Brasileirão. Foi uma bela maneira do Mengão de se despedir do Maracanã esta época, já que fecha o campeonato no terreno do Santos, antes do Mundial de Clubes. A equipa carioca chegou aos 90 pontos, mais 19 que o duo formado por Santos e Palmeiras, segundo e terceiro colocados, respetivamente.

Com a goleada ao Avaí, o Flamngo poderia ser campeão, apenas com os pontos conquistados por Jesus.

Jorge Jesus pegou na equipa após a 9.ª jornada, depois da saída de Abel Braga, quando o Flamengo somava 17 pontos (dez com Abel Braga e sete com Marcelo Salles). Ao todo, sob a orientação do português, o Flamengo conquistou 73 pontos, suficientes para ser campeão. Santos e Palmeiras têm 71 cada. Ao todo, são 28 jogos: 23 vitórias, quatro empates e uma derrota.

"Foi uma caminhada muito convincente, muito forte. Os nossos rivais não conseguiram acompanhar. A onda foi crescendo, crescendo, e andámos sempre lá em cima da onda. O grande mérito é dos jogadores. Comecei no Maracanã com um 6-1 contra o Goiás e terminámos também outro 6-1. Fica a história, porque o Flamengo foi o campeão, desde que nós chegámos, o Flamengo não perdeu no Maracanã... fizemos o recorde de não sei quantos golos, batemos o recorde de distância do primeiro para o segundo. Batemos os recordes praticamente todos", disse o técnico português, na conferência de imprensa, após a goleada ao Avaí.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.