Do relvado para as bancadas e das bancadas para as ruas. Mal terminou o jogo no Vila Belmiro, derradeira partida que confirmou a descida inédita do Santos, a revolta dos adeptos fez sentir-se nas ruas.

Antes, no relvado, foram várias as invasões de campo com adeptos a tentarem confrontar os jogadores.

Depois, no momento da saída da equipa, os jogadores foram forçados a acelerar o passo em direção ao túnel após o arremesso de vários objetos.

A partir desse instante, o cenário de violência estendeu-se até às imediações do estádio com vários veículos incendiados por alguns adeptos do Santos, alegadamente pertencentes à claque.

Nas redes sociais, o Santos limitou-se a publicar uma imagem com a seguinte descrição: «É meu amor, primeiro amor, eterno amor».

O histórico clube possui no seu palmarés oito títulos de campeão brasileiro, duas Taças Intercontinentais e três Taças Libertadores.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.