O Schalke 04 acolheu esta terça-feira o regresso do treinador holandês Huub Stevens para orientar a sua equipa principal de futebol, cinco dias depois da saída de Ralf Rangnick, por causa de um esgotamento.

Stevens, que já tinha treinado o Schalke 04 entre 1996 e 2002, assinou contrato válido até 2013 e manifestou a intenção de «recolocar a equipa no topo».

O treinador holandês, de 57 anos, estava em negociações com o Hamburgo para substituir Michael Oenig, mas aquelas foram interrompidas quando o conjunto de Gelsenkirchen ficou sem comando técnico.

O anterior técnico do Schalke, Ralf Rangnick, apanhou de surpresa o meio futebolístico germânico, quando, quinta-feira, assumiu que iria sair do clube por causa de um esgotamento físico e mental.

Essa situação inesperada obrigou o clube a encetar as negociações com Stevens, que, na sua anterior passagem pelo Schalke 04, conquistou uma Taça UEFA, em 1997, a Taça da Alemanha, em 2001 e 2002, e foi vice-campeão alemão em 2001.

De resto, ao permanecer cinco anos e meio à frente da equipa, o holandês foi aquele que, na história do clube, esteve mais épocas consecutivas no comando técnico.

Após o seu trabalho em Gelsenkirchen, Stevens foi sucessivamente treinador de Hertha de Berlim, Hamburgo e Colónia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.