A final do Euro2020 entre Inglaterra e Itália, no passado domingo, ficou marcada por vários episódios de violência ainda antes do apito final. Centenas de adeptos sem bilhete tentaram furar os perímetros de segurança do Estádio de Wembley e o pai de Maguire foi um dos que acabou apanhado na confusão, tendo assistido ao jogo com duas costelas partidas.

Foi o próprio internacional inglês que contou ao The Sun o que tinha acontecido. "O meu pai esteve no meio da confusão. Ainda não falei muito com ele, mas estou aliviado pelo facto dos meus filhos não terem ido ao jogo. Ele disse que foi assustador e eu não quero que ninguém passe por isto", começou por dizer.

"Já vi muitos vídeos e falei com a minha família e com o meu pai. O meu pai e o meu agente foram quem sofreu mais. Ele estava com problemas em respirar, mas não é do tipo de se queixar. Tenho esperança que possamos aprender com isto e que não volte a acontecer. O meu pai vai sempre apoiar-me mas vamos estar mais atentos a partir de agora", acrescentou Harry Maguire.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.