O Irão, treinado pelo português Carlos Queiroz, apurou-se hoje para as meias-finais da Taça Asiática de futebol, onde não chegava desde 2004, ao vencer por 3-0 a China, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

No estádio Mohammed Bin Zayed Stadium, o conjunto iraniano, que defrontou Portugal no último Mundial, praticamente decidiu a eliminatória na primeira parte, com tentos de Mehdi Taremi, aos 18 minutos, e Sardar Azmoun, aos 31, antes de Karim Ansarifard fechar o marcador, aos 90+1.

O Irão, vencedor das edições de 1968, 1972 e 1976 da Taça da Asiática, regressa às meias-finais da prova, onde não marcava presença desde 2004. Na altura, a seleção iraniana seria eliminada precisamente pela China, acabando por conquistar o terceiro lugar, perante o Bahrein.

Nas meias-finais, a seleção orientada por Carlos Queiroz vai defrontar o Japão, que hoje venceu o Vietname por 1-0, graças ao golo do extremo Ritsu Doan, na conversão de uma grande penalidade, aos 57 minutos.

A partida será disputada no dia 28 de janeiro, a partir das 16:00, em Al Ain.

Os outros dois encontros dos quartos de final têm lugar na sexta-feira, com a Coreia do Sul, liderada por Paulo Bento, a defrontar o Qatar, enquanto o anfitrião Emirados Árabes Unidos terá pela frente a campeã em título, a Austrália.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.