"Conseguimos evitar uma situação muito difícil e preocupante. Devemos estar gratos às instituições que nos ajudaram" afirmou Manuel Llorente, depois de ter tido conhecimento do empréstimo concedido pelo banco Bancaja.

O clube onde jogam os portugueses Manuel Fernandes e Miguel tem dívidas que ascendem a 500 milhões de euros e sentiu grandes dificuldades no final da época passada para pagar aos seus jogadores.

"Com esta nova etapa de solidez financeira os jogadores podem concentrar-se apenas no jogo", afirmou Llorente.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.