“Faz oito dias que parti e o Brasil atravessa um período difícil. Temos inundações no nordeste e é preciso que eu regresse”, declarou Lula da Silva, após um encontro com o seu homólogo sul-africano, Jacob Zuma.

Pelo menos 51 pessoas morreram e dezenas de outras estão desaparecidas devido a chuvas torrenciais que se abateram sobre o nordeste brasileiro no fim de Junho.
Mas, segundo meios de comunicação social, Lula perdeu o interesse na final depois da eliminação da selecção do seu país.

Jacob Zuma declarou compreender as motivações de Lula.

“Convidei o meu irmão a ficar para a final, mas ele explicou-me que era impossível. Se eu estivesse na sua posição faria o mesmo”, declarou Zuma, durante uma conferência conjunta dos dois chefes de Estado.

Lula chegou quinta-feira à África do Sul, no final de um périplo por seis países africanos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.