“É natural que com o tempo de treino as coisas melhorem, e vai melhorar ainda mais”, sublinhou o luso-brasileiro, satisfeito com a exibição da equipa.

Também Nani, autor do golo mais vistoso da partida, acredita num bom desempenho no Mundial de futebol da África do Sul. “Estamos confiantes de que de hoje em diante será cada vez melhor”, sublinhou.

Sobre a partida com os Camarões, o jogador do Manchester United calcula que “hoje os adeptos vão para casa contentes”. “Conseguimos fazer golos, é o que reclamavam de nós”, acrescentou.

Ricardo Carvalho destacou “o ritmo elevado” do jogo. “Sentimo-nos melhor, mais entrosados, mais perigosos”, referiu.

O central, que actuou como médio defensivo, diz que já tinha sido alertado para essa possibilidade por Agostinho Oliveira, adjunto de Carlos Queiroz. “O mister Agostinho diz que eu posso fazer aquela posição”, contou.

“Fizemos uma excelente partida, contra uma excelente selecção, com excelentes jogadores”, referiu Eduardo, acrescentando: “Sabíamos que hoje era importante darmos uma boa resposta”.

O guardião queixou-se ainda da bola utilizada durante o Campeonato do Mundo. “Não é uma bola nada agradável. Mas é importante não dar desculpas, temos é de nos preparar para essas dificuldades”, sublinhou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.