A seleção portuguesa venceu, esta sexta-feira, a Andorra por 6-0, em jogo referente à segunda jornada do Grupo B de qualificação para o Mundial2018, disputado no Estádio Municipal de Aveiro. Cristiano Ronaldo (2’, 4’, 47’ e 68’), João Cancelo (44’) e André Silva (86’) fizeram os golos portugueses.

O técnico Fernando Santos apostou num sistema 4x4x2, num ataque composto por Cristiano Ronaldo e André Silva. O capitão da seleção regressou assim (da melhor forma) à titularidade e o avançado do FC Porto estreou-se no onze.

Bastou um minuto e meio de jogo para o regressado capitão colocar a seleção campeã europeia em vantagem no marcador. Quaresma marcou o pontapé de canto ao primeiro poste, Fonte desviou, o guarda-redes defendeu e a bola sobrou para Ronaldo, que rematou para o fundo da baliza.

Bastaram mais uns segundos para o avançado do Real Madrid bisar, e isto tudo em menos de quatro minutos. Novamente Ricardo Quaresma a cruzar para a área, Ronaldo antecipou-se ao defesa e cabeceou de cima para baixo.

Os minutos seguintes foram sufocantes para a equipa de Andorra, uma vez que a bola andou sempre junto à sua área, com cruzamentos constantes, por parte dos alas portugueses.

Já em cima do intervalo, João Cancelo conseguiu aumentar a vantagem de Portugal. O defesa do Valência trocou bola com Bernardo, tentou o cruzamento e a bola passou ente o poste e o guarda redes, acabando por entrar na baliza.

Cristiano Ronaldo repetiu a proeza feita no primeiro tempo e nem deixou assentar o jogo no recomeço da partida. Aos 47 minutos, o capitão já estava a fazer um hat-trick. Após cruzamento de André Gomes para Ronaldo, que de frente para a baliza, encostou a bola para o 4-0 de Portugal.

Entre as entradas de Antunes, João Mário e Gelson Martins em campo (para os lugares de Raphael Guerreiro, André Gomes e Pepe respetivamente), a seleção de Andorra passou a jogar com nove elementos, após as expulsões de Jordi Rubio e Marc Rebés (cartão vermelho direto), ambos por faltas perigosas sobre Ronaldo.

Cristiano Ronaldo quis mostrar aos adeptos portugueses que valeu a pena esperar por ele marcando o seu quarto golo na partida, o quinto para Portugal. Aos 68 minutos, José Fonte cruzou para a área e Ronaldo encostou de primeira, fazendo um póquer.

Contido, a conta lusa ainda não estava fechada, isto porque André Silva, que tantos golos falhou, encontrou forma de marcar com as cores das Quinas. Aos 86 minutos, o avançado do FC Porto fez o sexto golo na recarga de um livre direto apontado por Ricardo Quaresma.

Com este triunfo (volumoso), Portugal soma os seus primeiros três pontos nesta fase de qualificação rumo ao Mundial2018. Recorde-se que na primeira jornada os campeões da Europa perderam (2-0) na Suíça.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.