Após o anúncio da saída de Iker Casillas do Real Madrid para o FC Porto, vários jogadores aproveitaram para despedir-se do craque espanhol e desejar-lhe boa sorte. Não só colegas e ex-colegas no Real Madrid mas também jogadores da seleção espanhola, como Xavi Hernández.

O antigo capitão do Barcelona deixou uma mensagem ao guarda-redes de 34 anos, publicado no jornal "Marca", com o título "Despede-se o número 1 - Iker Casillas é bom e justo, um tipo excecional."

"Tenho de reconhecer publicamente que tenho muito carinho por ele. Iker é um tipo bem-disposto, brincalhão, alegre, competitivo... muito competitivo. Impressiona-me a energia que ele tem e o facto de ser alguém muito afável. Mete-se contigo, brinca, mas sempre com respeito. É muito prático, não anda com rodriguinhos", escreveu Xavi.

O médio do Al Sadd do Qatar recordou um episódio que se passou quando Mourinho era treinador do Real Madrid, antes de um duelo entre Barcelona e os merengues.

"Quando surgiu o problema nos Real Madrid-Barcelona e vimos que a situação poderia descontrolar-se ele telefonou-me e disse: 'Pelopo' - é assim que ele me chama quase sempre -, temos de resolver isto. Sofremos muito para chegar onde chegámos para agora deixar ir tudo por água abaixo por causa do que se possa estar a passar'. Não sei como as coisas teriam acabado se o Iker não tivesse feito o que fez naquele momento. É uma daquelas pessoas que acrescenta algo ao grupo. A sua liderança não é forçada, é natural", atirou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.