Hidilyn Diaz subiu ao mais alto nível do pódio em Tóquio e com um recorde olímpico, erguendo um total de 224 quilos (97 kg no arrebatamento e 127 kg nos dois tempos).

Depois deste feito histórico, uma vez que as Filipinas nunca haviam conquistado uma medalha de ouro, o governo do país do sudoeste asiático anunciou que iria oferecer um imóvel no valor de 560 mil euros à atleta, que já fora vice-campeã olímpica em Rio2016 na categoria -53kg.

Esta foi mesmo a primeira medalha de ouro para as Filipinas desde a estreia do país em Paris1924, mesmo contando com os Jogos de Inverno.

Veja as melhores imagens do quarto dia dos Jogos Olímpicos de Tóquio2020

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto