No Ginásio Metropolitano de Tóquio, Marcos Freitas, 24.º do ranking olímpico, estreou-se na prova frente ao 48.º da mesma classificação com triunfo pelos parciais de 11-7, 3-11, 11-7, 11-6, 11-13, 2-11 e 11-3, em 54 minutos.

Medalha de bronze no Europeu de 2021, Marcos Freitas cumpre a quarta participação olímpica, tendo como melhor resultado o quinto lugar no Rio2016, depois do 17.º em Pequim2008 e Londres2012.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.