A selecção nacional feminina de basquetebol de Angola somou esta quinta-feira à noite a segunda vitória nos Jogos Africanos de Brazzaville, ao bater o Gabão, por 60-47.

A turma de Jaime Covilhã, que na véspera venceu a Argélia por 61-51, teve um jogo controlado e não se abalou, nem quando perdeu o primeiro quarto por cinco pontos (15-20).

Angola entrou a distribuir tempo de jogo por todas as atletas, excepção à Ana Cláudia que cedo cometeu a terceira falta, e Sónia Guadalupe por precaução.

Assim, o empate a 30 pontos ao intervalo era também assim justificado.

Do lado gabonês, ao contrário, o treinador concentrou o jogo em cinco jogadoras, que garantiram esse equilíbrio.

Na segunda parte, Covilhã lançou pela primeira vez ao jogo a capitã, Nacissela Maurício, e a partida mudou de figura.

Ao cabo do terceiro quarto, as angolanas já tinham uma vantagem de oito pontos (42-34).

A partida terminou em 60-47, com Nacissela a apontar 12 pontos em 19 minutos em campo, só superada por Felizarda Jorge, e marcou mais dois, a cestinha do encontro, em 37: 43 minutos de jogo.

A polivalente jogadora do 1º de Agosto teve também a maior eficácia em lançamentos longos, ao converter três triplos, em cinco tentados (60 pc), além de se destacar nos ressaltos com cinco, menos um que a melhor ressaltadora do jogo, Luísa Tomás.

Do lado gabonês, Yama Robert, com 14 pontos, cinco ressaltos, foi o destaque nos 37:43 minutos de jogo.

Colectivamente, Angola chegou aos 66 porcento em lançamentos livres, 45 em dois pontos e 37pc em triplos.

Conseguiu mais que o dobro dos ressaltos do adversário (31-15), mas teve mais perdas que o Gabão (15-11), também cometeu mais faltas que o oponente (23-17).

A próxima partida das campeãs de África está marcada para sexta-feira às 14h00 no ginásio de Makelekele em Brazzaville.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.