O FC Porto não vai falhar mais jogos do campeonato de basquetebol devido às nomeações dos árbitros. Representantes do clube e da federação reuniram-se e emitiram um comunicado conjunto. O organismo refere que vai "intensificar as ações e projetos tendentes à melhoria contínua da qualidade da arbitragem nacional". O FC Porto "revoga a sua decisão de não participar em jogos para os quais o Conselho de Arbitragem nomeie algum dos árbitros que lhe mereceram protesto".

Caso registassem uma terceira falta de comparência, os ‘dragões’, que seguem em quinto lugar na liga, a três pontos do trio da frente, formando por Benfica, CAB Madeira e Sporting, corriam o risco de ser excluídos da competição.

Em 21 de junho, o FC Porto tinha assegurado que iria falhar os encontros da Liga portuguesa de basquetebol que fossem dirigidos pelos mesmos árbitros do último jogo da final de 2020/21.

No final do quinto e último jogo da final dos 'play-offs', ganho pelo Sporting, por 86-85, os responsáveis portistas criticaram duramente a arbitragem e admitiram mesmo deixar a modalidade.

Veja aqui o comunicado na íntegra

"A Federação Portuguesa de Basquetebol e o FC Porto analisaram em conjunto a situação decorrente da não comparência do FC Porto a dois dos jogos da Liga Betclic. Foi consensual a conclusão de que desta situação resultam elevados prejuízos para o prestigio da modalidade.

No decurso destes contactos, a Federação Portuguesa de Basquetebol manifestou o seu compromisso de intensificar as ações e projetos tendentes à melhoria contínua da qualidade da arbitragem nacional, de entre os quais se salienta:

i. A divulgação pública das avaliações e classificações dos juízes;

ii. A prestação de informação atempada sobre os árbitros escolhidos para pontos altos e fases decisivas da competição;

iii. A dinamização do grupo de trabalho criado para análise de situações de jogo relacionadas com a arbitragem;

iv. Os estudos para a implementação de meios tecnológicos necessários para a comunicação entre os elementos da equipa de arbitragem, permitindo o seu registo.

Neste sentido, o FC Porto revoga a sua decisão de não participar em jogos para os quais o Conselho de Arbitragem nomeie algum dos árbitros que lhe mereceram protesto."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.