A equipa russa Gazprom foi convidada a competir na próxima edição da Volta a Itália em bicicleta, de 6 a 29 de maio, com a organização a deixar de fora a formação italiana Androni, uma presença habitual.

A Gazprom, que sucede à Itera no Giro, foi uma das quatro equipas escolhidas hoje pela RSC, a sociedade organizadora, juntamente com as italianas da Bardiani, Nippo e Southeast.

A equipa Androni, confrontada no último ano com alguns casos de doping (Davide Appollonio ou Fabio Taborre), competirá, porém, na Tirreno-Adriatico (9 a 15 de março) e na Milan-San Remo (19 de março).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.