Cardinal foi o autor do único golo português do encontro disputado, esta terça-feira, em Gondomar mas o jogador do CSKA de Moscovo teve também “culpas” no golo dos italianos, ao perder a bola em zona perigosa.

«Infelizmente perdi uma bola onde não podia perder. Mas temos de levantar a cabeça porque amanhã há outro jogo, e hoje tivemos muito perto de vencer», começou por dizer o internacional português, em conferência de imprensa, no auditório do Pavilhão Multiusos de Gondomar.

«Fizemos um excelente jogo tirando o meu erro que nos saiu caro. Estivemos bem defensivamente e ofensivamente. Foi um grande espetáculo de futsal. Vimos de uma série boas de jogos, defrontámos uma boa série d equipas e ainda não perdemos. Estamos no bom caminho», explicou.

Na segunda parte, Portugal deixou-se prender na teia italiana mas o ex-jogador do Sporting confessou que tudo foi uma estratégia de jogo.

«O domínio da Itália na segunda parte foi estratégia nossa, para eles ganharem confiança e partirmos para o contra-ataque. Soubemos ler o jogo e tivemos mais posse de bola que a Itália» analisou Cardinal.

O encontro particular com os italianos, disputado no Pavilhão Multiusos de Gondomar, foi o primeiro de dois derradeiros testes antes de Portugal iniciar a sua caminhada no apuramento para o Mundial2012, na Tailândia.

Com o apuramento para o Euro2012 garantido, a equipa das quinas disputará a qualificação para o Mundial2012 em Coimbra, no Pavilhão Dr. Mário Mexia, entre 15 e 18 de Dezembro.

Amanhã, às 20h15, desta vez no Pavilhão dos Congressos de Matosinhos, as duas seleções voltam a medir forças.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.