O alemão Nico Rosberg (Mercedes), líder do Mundial de Fórmula 1, vai partir da ‘pole position’ para o Grande Prémio da Hungria, depois de hoje ter sido o mais rápido na qualificação para a 11.ª prova do campeonato.

Rosberg estabeleceu a melhor volta ao circuito Hungaroring, próximo de Budapeste, com o tempo de 1.19,965 minutos (média de 197,231 km/h), assumindo-se como o único piloto a rodar em 1.19 minutos e batendo por 143 centésimos o britânico Lewis Hamilton, colega de equipa na Mercedes.

Hamilton, tricampeão mundial (2008, 2014 e 2015) e segundo classificado no campeonato de 2016, a apenas um ponto de distância de Rosberg, vai partir ligeiramente atrás do alemão para a corrida de domingo, na qual a Mercedes voltará a monopolizar a primeira linha da grelha.

O australiano Daniel Ricciardo obteve o terceiro melhor tempo na qualificação de hoje, a 315 centésimos de Rosberg, seguido do holandês Max Verstappen, que gastou mais 592 do que o piloto mais rápido em pista, ambos ao volante de Red Bull.

Rosberg conquistou a 26.ª ‘pole position’ da carreira e a quarta da temporada numa qualificação para o Grande Prémio da Hungria ficou marcada por vários acidentes, motivados pela forte chuvada que caiu em Budapeste, que provocaram por várias vezes a interrupção das sessões.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.