Frederico Gil (64.º ATP) já tem garantida a entrada directa no quadro principal do Estoril Open. A desistência do alemão Benjamin Becker, lesionado no cotovelo direito, permitiu que o número um português não tenha necessidade de utilizar um dos wild-cards que o director do torneio, João Lagos, tem à sua disposição.

Lagos também já garantiu a entrada de Rui Machado (95.º) na melhor grelha da edição 2011, embora ainda não se saiba se entrará directamente ou através de um dos convites.

«É meu hábito procurar sempre beneficiar os portugueses, já que temos o privilégio de organizar o único torneio dos circuitos ATP e WTA em Portugal. O Rui Machado é o nosso segundo jogador do top 100 mundial e merece este convite, não só pelo seu mérito enquanto profissional, com quem já tivemos o prazer de colaborar, mas também pelo significado histórico de termos dois tenistas actualmente entre essa elite. Não deixa de ser curioso o facto de estarmos a viver este excelente momento no ténis português, quando comemoramos em 2011 o 30º aniversário do primeiro Circuito Satélite organizado por nós em Portugal. Há precisamente 30 anos somavam-se os primeiros pontos ATP em território nacional e, hoje em dia, temos dois tenistas entre os 100 melhores do mundo», adiantou João Lagos.

Quanto às “estrelas” do Estoril Open 2011, o primeiro a chegar será o argentino Juan Martin del Potro, na sexta-feira, tendo já previsto treinar-se no Jamor no dia seguinte. Já Jelena Dokic foi obrigada a desistir, devido a uma virose que a impediu, igualmente, de competir esta semana em Fés.

A 22ª edição do Estoril Open tem início já no sábado, dia 23 de Abril, com a realização da primeira eliminatória do qualifying.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.