João Sousa não escondeu a tristeza pela eliminação nos quartos de final do Estoril Open pelo espanhol Albert Ramos, mas deixou na conferência de imprensa o sentimento de 'dever cumprido' face aos objetivos traçados para o maior torneio nacional de ténis.

«Logo no primeiro dia disse que os 'quartos' seriam ótimos para mim. Fico contentíssimo por ter alcançado esse objetivo, tenho pena de não poder continuar e de não ter dado melhores exibições. É ótimo para mim e espero continuar a fazer bons resultados», afirmou o tenista minhoto, em conferência de imprensa realizada no complexo do Jamor, onde o torneio decorre até domingo.

As queixas físicas apresentadas durante a partida com o opositor espanhol tiveram o seu peso na derrota, mas João Sousa elogiou a consistência do tenista espanhol. «Fico um pouco triste porque não consegui dar o meu melhor. Tinha a sensação que não conseguia fazer mossa no jogo dele e quando é assim um jogador sente-se impotente», confessou, lamentando ainda a falta de sorte: «Quando tive duas bolas de break ele teve um pouco de sorte. Se as coisas tivessem caído para o meu lado se calhar teria sido diferente. Penso que seria outro caminho para o segundo set». 

Apesar da tristeza, João Sousa regozijou-se por ter jogado no Centralito e espera agora manter-se no trilho dos bons resultados apresentados esta época. «Tenho vindo a aumentar o meu nível e estas derrotas servem para analisar os que são melhores que eu e penso que vou aprender muito. O top-100 é um número, se tiver nível hei de lá chegar», salientou.

Antecipando agora uma semana de descanso, o tenista vimaranense irá ainda fazer mais um torneio até chegar Roland Garros, onde tentará chegar ao quadro principal pelo qualifying. «O meu nível é superior ao do ano passado. Estou confiante em passar ao quadro principal de Roland Garros», concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.