Na análise ao encontro frente ao Marselha (1-1), Jesus relembrou o papel que João Mário pode ter na equipa e abordou também as possíveis variantes táticas.

"Muda muito a equipa. Temos um jogador que raramente perde um passe. (...) É um jogador que tem um conhecimento do jogo que não tínhamos. Tínhamos jogadores que eram muito fortes ali a sair, mas depois perdiam a bola. O João veio dar essa classe. Gostei também hoje do Taarabt. Face ao ter de mexer na equipa, assim como o Seferovic também teve de sair (...) O ideal seria ter 12 13 jogadores para jogarem os 90 minutos. A equipa está mais forte. Já temos um ano de treinos. Já os conheço melhor e eles já me conhecem melhor", atirou em declarações à BTV.

Sistema tático a utilizar durante a temporada.

"Vamos ter um Benfica a jogar das duas maneiras. Esta temporada com mais conhecimento. Hoje, esta equipa sente-se confortável, em qualquer um desses dois sistemas", atirou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.