A Federação Angolana de Futebol (FAF) anunciou hoje, em Luanda, o falecimento, por doença, do presidente da Associação provincial da modalidade do Uíge (APF), Miguel Manzueto Costa “Michel”, no cumprimento do seu segundo mandato.

Numa nota da instituição, assinada pelo seu responsável máximo, Pedro de Morais Neto, distribuído à Angop, a FAF refere que foi "com bastante dor e pesar" que tomou conhecimento do desaparecimento físico do dirigente provincial, ocorrida sábado, acometido por um AVC.

“Michel, sempre representou excelência e honra e foi uma garande figura para o desenvolvimento do nosso futebol e mais concretamente na sua província natal Uíge, pois a firmeza das suas convicções eram patentes nos vários encontros, representando e defendendo com abnegação ascores provinciais que representava nos palcos administrativos em que participava”, sublinha.

Acrescenta que representou a modalidade na província do Uige "com orgulho e dignidade", apesar de nos últimos tempos apresentar algumas questões de saúde, demonstrou sempre a mesma "humildade e o sorriso que sempre o caracterizou" nos palcos para levar a cabo as suas actividades profissionais diárias.

A FAF considera que, apesar ter morrido "cedo demais", o seu legado estende-se por todo o futebol nacional e se transmitirá para as gerações vindouras.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.