O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, disse hoje que sente um "enorme orgulho" por a instituição ter podido ajudar no combate à pandemia de covid-19, ao disponibilizar a Casa dos Atletas para receber doentes.

"Decidimos, num momento difícil, disponibilizar as nossas instalações aos portugueses. Entregámos a Casa dos Atletas ao Ministério da Saúde. Era tempo de o futebol parar, mas estou certo de que o futebol vai voltar", disse o líder da FPF.

As declarações aconteceram no seguimento de uma visita que o Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales, e o Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares e Coordenador para a COVID-19 na Região de Lisboa e Vale do Tejo, Duarte Cordeiro, fizeram à Casa dos Atletas, que está a funcionar como Estrutura de Apoio de Retaguarda para doentes covid-19.

Fernando Gomes frisou que "o futebol não é só ganhar", mas que deve ser "um catalisador social de boas causas".

"Esta é uma missão que vai além do futebol e que cumprimos com emoção. Sinto um orgulho enorme por ter colocado a FPF ao serviço de Portugal", admitiu o presidente da FPF.

Em nome do ministério da Saúde, António Lacerda Sales agradeceu o "extraordinário exemplo" dado pela FPF ao acolher doentes infetados com covid-19.

"Passaram por aqui centenas de doentes, e é um exemplo de que estamos realmente todos convocados para combater esta pandemia", elogiou o governante.

Portugal registou hoje 203 mortes relacionadas com a covid-19 e 2.583 casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a DGS.

A covid-19 já matou cerca de 14.500 pessoas em Portugal, entre os mais de 750 mil casos de infeção.

O novo coronavírus foi detetado pela primeira vez na China no final de 2019, e, desde então, provocou mais de 2,3 milhões de mortos em todo o mundo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.