O campeonato italiano de futebol, que está suspenso desde março devido à pandemia de covid-19, deverá ser retomado a partir de 13 de junho, anunciou hoje a Liga de clubes transalpina, em comunicado.

"No que diz respeito à retoma da atividade desportiva, foi indicado o dia 13 de junho para o regresso do campeonato, respeitando as medidas do governo e os protocolos médicos para proteção dos jogadores e de todos os profissionais", refere o organismo, após uma assembleia-geral em que estiveram reunidos os 20 clubes que disputam o principal escalão.

Na mesma nota, a 'Lega Serie A' "reitera a necessidade de que sejam cumpridos os pagamentos determinados nos contratos" de transmissão televisiva para o período 2018-2021.

Por outro lado, informou igualmente que o diretor do departamento médico do Bolonha, Gianni Nanni, foi "indicado para representar os clubes [da Serie A] na Comissão Técnica e Científica da Federação Italiana de Futebol".

O governo italiano autorizou a realização de treinos individuais nos clubes da Serie A em 04 de maio e, em 18, as equipas poderão retomar as sessões em grupo.

Já hoje, o ministro do Desporto de Itália, Vincenzo Spadafora, afirmou que, no regresso aos treinos em grupo na Serie A, caso um futebolista acuse positivo ao novo coronavírus, toda a restante equipa será colocada de quarentena.

A Liga italiana foi interrompida em 09 de março, quando estavam decorridas 26 jornadas, devido à crise de saúde pública motivada pela pandemia de covid-19, que já matou 30.911 pessoas, entre 221.216 infetados em Itália.

A Serie A conta com vários futebolistas portugueses, entre os quais Cristiano Ronaldo (Juventus), Mário Rui (Nápoles), Rafael Leão (AC Milan), Miguel Veloso (Hellas Verona) e Bruno Alves (Parma).

Após a declaração de pandemia, em 11 de março, as competições desportivas de quase todas as modalidades foram disputadas sem público, adiadas - Jogos Olímpicos Tóquio2020, Euro2020 e Copa América -, suspensas, nos casos dos campeonatos nacionais e provas internacionais, ou mesmo canceladas.

Os campeonatos de futebol de França e dos Países Baixos foram cancelados, enquanto outros países preparam o regresso à competição, com fortes restrições, como sucede na Alemanha, Inglaterra, Itália, Espanha e Portugal, que tem o reinício da I Liga previsto para 04 de junho.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 292 mil mortos e infetou mais de 4,2 milhões de pessoas em 195 países e territórios. Mais de 1,4 milhões de doentes foram considerados curados.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.