Itália

A Juventus, sem Cristiano Ronaldo, infetado com o novo coronavírus, empatou na receção ao Verona (1-1), na quinta jornada da Liga italiana de futebol, e falhou a possibilidade de subir ao segundo lugar.

Ronaldo foi baixa na equipa de Turim, devido à covid-19, enquanto Miguel Veloso também esteve ausente no Verona, mas devido a lesão.

O empate deixou a Juventus no quinto lugar, com nove pontos, em igualdade com Sampdoria e Atalanta, e permitiu ao Nápoles subir ao segundo posto, com 11, depois de vencer por 2-1 no campo do Benevento, com Mário Rui na equipa inicial.

Estes resultados deixam o AC Milan, de Rafael Leão e Diogo Dalot, com a possibilidade de fugir mais na liderança da Serie A, mas para isso terá que vencer na segunda-feira, no jogo que fecha a ronda, na receção à Roma, do treinador português Paulo Fonseca.

Sem Bruno Alves, também infetado com o novo coronavírus, o Parma empatou na receção ao Spezia (2-2), enquanto o último classificado Crotone, com Pedro Pereira a titular, foi perder ao campo do Cagliari, por 4-2.

Em Bérgamo, a Atalanta sofreu o segundo desaire seguido na Serie A e foi surpreendida pela equipa de Génova, que registou o terceiro triunfo seguido, depois de um arranque com duas derrotas.

O internacional português Adrien Silva não saiu do banco da Sampdoria e viu a sua equipa chegar à vantagem aos 13 minutos, pelo veterano avançado Quagliarella, que também falhou uma grande penalidade já perto do intervalo.

França

O Lyon ganhou por 4-1 ao Mónaco, tendo marcado quatro golos na primeira metade do desafio relativo à oitava jornada da Liga francesa de futebol, em que atuaram os portugueses Anthony Lopes, Gelson Martins e Florentino.

O extremo Gelson Martins foi titular na equipa do principado, tal como Florentino, tendo sido substituído aos 78 pelo belga Kevin Volland.

Na liderança está o tricampeão Paris Saint-Germain (PSG) que goleou o Dijon por 4-0, com o internacional português Danilo a central, e que viu o Lille desperdiçar a oportunidade de se isolar na frente da tabela ao empatar hoje a uma boa na deslocação ao terreno do Nice.

O Nice, que contou com o português Rony Lopes, marcou aos 50 minutos por Kasper Dolberg, e o Lille, com José Fonte e Renato Sanches no onze inicial, e com Xeka a entrar no segundo tempo, chegou à igualdade aos 58 graças ao turco Burak Yilmaz.

O Marselha, treinado por André Villas-Boas e adversário do FC Porto na ‘Champions’, venceu por 1-0 no terreno do Lorient, em jogo da oitava jornada da Liga francesa de futebol e ascendeu provisoriamente ao quarto lugar.

Inglaterra

O Wolverhampton, do treinador português Nuno Espírito Santo, empatou 1-1 na receção ao Newcastle e falhou a possibilidade de entrar nos lugares de acesso à Liga dos Campeões.

Com cinco portugueses no ‘onze’ inicial (o guarda-redes Rui Patrício, Nelson Semedo, Rúben Neves, Pedro Neto e Daniel Podence), a equipa de Nuno Espírito Santo esteve a vitória no ‘bolso’ quando o avançado mexicano Raúl Jiménez, ex-jogador do Benfica, abriu a contagem, aos 80 minutos, mas o Newcastle acabaria por empatar já perto do fim.

Já com João Moutinho em campo (rendeu Rúben Neves, aos 83 minutos), Jacob Murphy refez a igualdade, aos 89, e impediu o terceiro triunfo seguido dos ‘wolves’.

Com este resultado, o Wolverhampton segue no oitavo posto, com 10 pontos, enquanto o Newcastle continua no 14.º posto, com oito.

O Everton, que iniciou a ronda como líder isolado, sofreu a primeira derrota na competição, ao cair no campo do Southampton, por 2-0, e foi apanhado pelo vizinho Liverpool.

Apesar do triunfo dos ‘reds’ no sábado sobre o Sheffield United (2-1), o Everton tinha hoje a possibilidade a continuar sozinho na frente da Premier League, mas acabou por ser surpreendido pelo Southampton, num encontro em que o internacional português André Gomes não saiu do banco de suplentes na equipa do italiano Carlo Ancelotti.

O internacional português Diogo Jota marcou o golo da vitória do Liverpool frente ao Sheffield United (2-1), permitindo aos ‘reds' igualar o Everton no topo da classificação.

O Manchester City (12.º), que contou com os internacionais portugueses Rúben Dias, João Cancelo e Bernardo Silva a titulares, empatou na deslocação ao campo do West Ham (11.º), com o atacante Michail Antonio a marcar aos 18 e Phil Foden a empatar para a formação orientada por Guardiola, após assistência de Cancelo.

Espanha

O Granada, com o português Rui Silva a titular na baliza, igualou o Real Madrid na liderança da Liga espanhola de futebol após vencer no campo do Getafe, por 1-0, na sétima jornada. Com Silva como guarda-redes, mas sem o defesa central Domingos Duarte, lesionado, o Granada somou a quarta vitória na competição, segunda consecutiva, graças um golo de Montoro, aos 45+2 minutos, de grande penalidade, e colou-se ao campeão Real Madrid no topo de classificação, com 13 pontos.

O Real Madrid foi à Catalunha, à casa do eterno rival FC Barcelona, vencer por 3-1. Destaque ainda para o internacional português Francisco Trincão, que entrou no FC Barcelona apenas aos 81 minutos.

O Atlético Madrid venceu em casa o Bétis por 2-0. Do lado dos ‘colchoneros', João Félix saiu do banco aos 57 minutos para o lugar de Ángel Correa, enquanto William Carvalho foi titular na equipa andaluza (10.ª com nove pontos), comandada pelo chileno Manuel Pellegrino, tendo sido substituído aos 65 minutos.

Alemanha

O Borussia Dortmund, com Raphaël Guerreiro, somou a terceira vitória seguida na Liga alemã de futebol, após receber e bater o Schalke 04, de Gonçalo Paciência, por 3-0, e manteve-se na perseguição ao líder Leipzig.

Na quinta jornada, Guerreiro foi titular e esteve em campo o tempo inteiro no Dortmund, fazendo a assistência para o terceiro golo da sua equipa, enquanto Paciência também esteve no ‘onze’ do Schalke 04, mas acabou por ser substituído na segunda parte (56 minutos).

Depois de uma primeira parte sem golos, o suíço Akanji deu vantagem ao Borussia, aos 55 minutos, seguindo-se remates certeiros do norueguês Haaland, aos 61, e de Hummels, aos 78, com a participação de Guerreiro.

O Leipzig manteve a liderança da liga alemã de futebol ao impor-se por 2-1 ao Hertha Berlim, marcada pela goleada (5-0) do Bayern Munique ao Eintracht Frankfurt. Em Munique, num jogo em que o português André Silva foi titular no Eintracht Frankfurt, um ‘hat-trick’ de Lewandowski, que marcou aos 10, 26 e 60 minutos, e golos de de Sané (72) e Musiala (90) asseguram o triunfo dos bávaros, que seguem no segundo posto da tabela, com 12 pontos, menos um do que o líder da prova.

Grécia

O AEK Atenas, que perdeu por 3-0 com o Sporting de Braga para o grupo G da Liga Europa de futebol, venceu por 1-0 em casa do Giannina, para a sexta jornada da liga grega.

Com os portugueses Paulinho e Hélder Lopes a titulares e Nélson Oliveira chamado a jogo aos 70 minutos, o AEK marcou o único golo da partida pelo iraniano Karim Ansarifard, aos 16 minutos, na conversão de uma grande penalidade.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.